POLÊMICA: Encontristas que não “entendem” os eventos

Faltando pouco mais de uma semana para a abertura dos encontros regionais de Design, o RDesign Caruaru, RDesign Franca e RDesign Goiânia, levanto um questionamento, já citado em um antigo post meu, sobre o RDesign Ceará, realizado em outubro do ano passado. O questionamento levantado é sobre os encontristas que não entendem o evento e passam o tempo todo reclamando de tudo. De tudo MESMO!

Bom, antes que alguém tome como pessoal e venha chorar pro meu lado, explico logo: isso não é uma crítica a uma pessoa em especial. É basicamente uma tendência que vem acontecendo em eventos de Design nos últimos anos: a onda dos encontristas, geralmente de primeira viagem, que só fazem reclamar do evento, mesmo se tiver tudo ocorrendo bem, sem alagamentos, banheiros com água e alimentação de qualidade. Encontros de Estudantes de Design já ocorrem há 20 anos (enquanto muitos ainda ainda assistiam Xou da Xuxa, já tinha gente que discutia Design! Think about it!), sendo o mesmo formato repetido desde então.

Bom, isso não acontece somente por causa desses encontristas. Há mais coisas por trás que irei apontar abaixo:

“Leite com pêra e Ovomaltino”: É preciso raciocinar que conhecer uma cidade fora do seu estado, com direito a alojamento, uma refeição por dia (às vezes duas refeições), horas e horas de atividades complementares que sua faculdade nunca conseguirá proporcionar em toda sua graduação e festas diárias a um valor módico não é algo que se vê em qualquer site de compra coletiva. Um Encontro de Estudantes de Design, como qualquer outro encontro de estudantes, é um evento que exige uma estrutura grande o suficiente para suportar milhares de pessoas pelo menor custo possível, além disso, tem elementos delicados, como alojamento e alimentação, que muitos congressos profissionais não provêm. Portanto, é bom enfatizar que um N ou um R oferecerá uma estrutura coerente ao valor pago: um espaço livre para montagem de barracas e/ou salas disponíveis para colchonetes, bem como banheiros e/ou vestiários para higiene pessoal.  Não se pode exigir uma estrutura de hotel ou albergue, com caminhas forradas e leitinho no café-da-manhã, né? Tanto é que os pacotes de alimentação e alojamento são vendidos à parte da inscrição para o evento.

Falta de preparo para os encontristas novatos: Isso é bem evidente que acontece. Os estudantes que encaram a rotina de um NDesign pela primeira vez não faz a mínima ideia de como ocorre o evento na prática, mesmo que encontristas mais rodados costumem falar das atividades e festas que rolam nesses encontros. De certa forma, é dificil imaginar como funciona toda essa dinâmica de um encontro pra quem nunca a vivenciou. Na minha opinião, deveria caber ao Centro Acadêmico ou até mesmo ao chefe de delegação reunir todos e explicar detalhadamente a estrutura de um NDesign ou RDesign.

Profissionalização dos eventos de design: Bom, pra quem é (bem mais) antigo, se lembra como eram realizadas as inscrições: com transferência bancária ou depósito na conta de algum membro da organização, para depois escanear o comprovante na casa de algum amigo e enviar pro e-mail da organização. Pura nostalgia, heim? Pois é... hoje em dia, as organizações contam com sistema de inscrições melhores que muito congresso científico por aí. Os eventos já contam também com terceirização de serviços diversos, apoio de pequenas e médias empresas e até mesmo com incentivos públicos (como a Lei Rouanet, por exemplo). Poderia listar uma série de transformações em torno dos encontros de Design, mas como nosso tempo é curto, vamos ao ponto: pra quem vê de fora, sem conhecer in loco o formato do evento, acredita que está participado de um evento no molde da Campus Party ou um TMDG, por exemplo, e isso acaba agregando uma imagem que distorce a proposta original de um NDesign ou de uma regional (não que um N ou um R sejam eventos amadores). Mas é válido lapidar essa imagem, mostrando que é possível construir um evento de porte profissional, de estudantes para estudantes.

Para encerrar, sugiro enfaticamente aos encontristas que irão ao RDesign pela primeira vez que conversem com a turma veterana, além de pesquisar em redes sociais sobre eventos anteriores, pra sentir melhor o feeling da coisa. E pra ajudar a vida de vocês, seguem abaixo uns vídeos de eventos antigos.

UPDATE!

Sabia que tinha esquecido de alguma coisa, pessoal. Perdões!

Repentina NDesign Imersão 2010

[youtube=http://youtu.be/kVh205S-Bho]

Huya! no NDesign Rio 2011

[youtube=http://youtu.be/pWWoSLsisQg]

Ônibus para festa no NDesign Pernambuco 2009

[youtube=http://youtu.be/8_-sVGUMQM8]

Ir para o topo